Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Sessão Ordinária é marcada pela apresentação de indicações e debates acalorados entre os vereadores

Sessão Ordinária é marcada pela apresentação de indicações e debates acalorados entre os vereadores

por Janira Silva publicado 20/05/2020 19h40, última modificação 20/05/2020 19h40

A Sessão Ordinária desta terça-feira (19), da Câmara Municipal de Mata de São joão, foi realizada mais uma vez sem presença de público, conforme normas estabelecidas para combate à Covid-19, mas tudo foi transmitido ao vivo pelo Facebook.

Os trabalhos começaram com a Leitura do Expediente, e na pauta estavam indicações dos vereadores Agnaldo de Lulu, Jair Bispo e Paulo Bolinha.

O vereador Jair, solicitou construção de encosta com gel manta na Rua Vital Brasil no Caboré. Enquanto Paulo Bolinha pediu a reconstrução das barracas danificadas pelo mar revolto, na Praia de Santo Antônio, além da recuperação da Estrada do Retiro, e pavimentação da Rua do “Sr. Tomé”, Caixa D’Água em Açu da Torre, no litoral.

No Grande Expediente, a sessão conduzida pelo vice-presidente da Casa, Paulo Bolinha, foi bem acalorada, com os vereadores discutindo diversos assuntos, a exemplo do edil Elcio Ramayana, que lamentou o ocorrido no Condomínio Santa Rita, em Amado Bahia, onde houve um deslizamento e disse estar indignado com a administração, inclusive questionou o valor que está sendo oferecido às vítimas do condomínio: “Esse desmoronamento no Condomínio, qual a providência que o prefeito tomou? Ofereceu o auxílio aluguel de R$ 200 reais, que absurdo é esse, oferecendo as escolas para guardar os móveis e o aluguel de R$ 200 reais”.

O vereador Alexandre Rossi, aproveitou a oportunidade para dar um recado, a àqueles que segundo ele, continuam produzindo conteúdos falsos sobre a Festa Estica Verão. “Meu recado fica para aquelas pessoas que ficam produzindo fake news, elas irão ser processadas por calúnia, porque não mexe só com o vereador, mexe comigo, mexe com minha família, com tudo ao meu redor. Tomem cuidado porque aquelas pessoas que produzem matérias caluniosas podem sofrer um processo sério”. Alexandre está sendo acusado pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), de improbidade administrativa e dano ao erário, em denúncia relacionada ao recebimento de verbas para a realização de uma festa fantasma no município. A abertura da ação perante o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) acontece após a conclusão do inquérito sob responsabilidade da promotora Andrea Fontoura.

Outro assunto abordado foi o aumento do número de pessoas contaminadas com coronavírus na cidade, e também a Lei aprovada para doar cestas básicas a barraqueiros, ambulantes, mototaxistas, taxistas e baianas de acarajés. O vereador Paulo Bolinha, cobrou do prefeito Marcelo Oliveira, que olhe para as leis que o mesmo sancionou e cumpra com os projetos.  “Será que o pessoal vai ficar 12 meses comendo uma cesta básica que não dura uma semana? Temos que olhar pelas pessoas mais humildades, mais necessitadas. O povo vota em quem ajuda eles e isso tem que ser feito todos os anos, não apenas quando faltam poucos meses para as eleições”, disse o parlamentar.

Para finalizar, Pastor Sandro fez uma menção ao cantor Jorginaldo Assis, que em uma sessão na Câmara, teria procurado ele e outros vereadores para falar sobre a realização de algumas lives visando de angariar recursos. “Isso foi feito através da Secretaria de Cultura, mas eu quero aqui agradecer porque a iniciativa partiu desse artista matense. Jorginaldo, que Deus continue abençoando você para trazer outras ideias importantes como essa. Foi acatado e que bom que os artistas matenses vêm sendo contemplados”, elogiou o vereador e primeiro secretário da Casa.

error while rendering plone.comments

Portal do Servidor

Mídias Sociais

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.Facebook Youtube

Gostou do novo site?

Sim, gostei
Não gostei
Pode melhorar
spinner
Total de votos: 31
Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo